segunda-feira, 22 de junho de 2009

PROFESSOR DE EDUCAÇÃO FÍSICA: UM DESCOBRIDOR DE TALENTOS

O Brasil é indiscutivelmente o país do futebol, mas pode também ser o país de outros esportes, pois a cada dia que passa novos talentos vão surgindo com o objetivo de se tornarem atletas consagrados no cenário nacional e até mesmo internacional. E nós educadores somos um dos elementos responsáveis pela descoberta desses novos talentos, nas aulas de Educação Física na Escola. Temos a oportunidade de conhecer qual adolescente poderá ser um grande atleta de alto nível. É o que chamamos de processo de lapidação, ou seja, temos que direcionar os jovens para a modalidade na qual mais ele mais se adapta, de acordo com o seu biótipo e estrutura física.Se todos os profissionais educadores fizerem isso, podemos ter um país com muito mais atletas em diversas modalidades. Quantos Gugas, Gibas e Ronaldos poderiam surgir com esse tipo de trabalho? O Governo Federal também pode contribuir para que ocorra essa descoberta de novos talentos, através de programas sociais. O Programa Segundo Tempo é um exemplo claro do que estou dizendo. Posso afirmar que é ali dentro do programa que muitas crianças encontram os seus espaços e os caminhos para a felicidade, e muitos deles hoje são atletas profissionais, como jogadores de futebol e maratonistas, entre outros. O que se pode garimpar de talentos nos bairros, principalmente nos de baixa renda, é uma coisa impressionante. É desses lugares que geralmente aparecem os astros e estrelas do mundo esportivo, e a grande maioria desses jovens é descoberta pelos professores de Educação Física. Nós somos o principal elo entre os garotos e o sucesso profissional, mas temos que realizar um trabalho muito bem planejado e de forma calma e progressiva para não fazer da oportunidade desses meninos (as) uma frustração. Acima de tudo, temos que trabalhar a cabeça dessas garotada para que futuramente eles aprendam a conviver com as vitórias e derrotas.Como é gratificante para um professor saber que aquele menino ou menina que foi seu aluno lá nas séries iniciais e que você motivou, incentivou e, principalmente, no qual acreditou hoje se tornou um atleta representando o nosso país em diversas competições, levando a bandeira do Brasil às colocações mais altas; e que ainda hoje são gratos aos seus professores pelo apoio dado no início de suas carreiras.
Geilson de Freitas Ferrreira

4 comentários:

SIMEI disse...

Castro:

Boa postagem, e acrescento que não basta só um programa de envolver as "molecadas". O estado deveria garantir aos que tem optidão, bolsas para que os mesmo possam melhor desenvolver sua opção atlética. Hoje os poucos que seguem carreira profissional lá fora, são filhos de pais que tem uma melhore renda para banca-los. Aí eu pergunto: Quantos valores aparecem e não tem que os abracem?

É óbvio que qualquer programa que os coloquem em atividade é de grande proveito!!

Abs.

EXERCÍCIO FÍSICO É SAÚDE - CASTRO PERSONAL TRAINER disse...

amigo Simei, você tem razão, quando diz que, são poucos de baixa renda que conseguem seguir carreira profissiional no esporte, porque são ofuscado por aqueles que tiveram maior oportunidade. hoje muitos de baixa renda já não conseguem mais nem jogar um futebol recreativo por falta de espaço.

SIMEI disse...

Castro:

Justamente, é isso aí!!!

Acho que a metade das verbas destinado ao congresso nacional que são usados para afins de corrupção, deveria ser aplicadas em programa de esporte mais contundente a juventude brasileira.
Ve-se que os atletas brasileiros que se destaca numa competição internacional (fora futebol) muitos deles se prepara fora do Brasil desde pequenos.

Se tirarmos a possibilidade de se competir como atleta profissional, pelo menos bons investimentos em esporte integraria a juventude na sociedade tirando-os da marginalidade.

Abs.

EXERCÍCIO FÍSICO É SAÚDE - CASTRO PERSONAL TRAINER disse...

è simei, vc é uma pessoa de bom senso, pesquisas recentes indicam que as cidades que teem melhor qualidade de vida investem em esporte e educação.
um grande abraço, fico muito grato com a sdua participação.